22/10/2010

Em mim

Fico a me pergunta como senti tantas coisas que nunca existiram
(Delchiawon)

Oi pessoal

Em meus momentos de desvaneio, resolvi brinca de poeta. Vejam e diga-me o que acharam. Por favor! Até mais galera.


Em mim

Faz tanta falta
quem nem chegou?
Sua ausência causa tremenda dor,
no entanto nunca houve presença.

Sinto falta do seu carinho
Das palavras doces que me dissera.
O teu tocar faz tanta falta.
Das tuas brincadeiras arrancando meu sorriso.
Escuto nossa música
lembro dos momentos que passamos juntos.
Sinto falta do teu romantismo...

Fico a me pergunta como senti tantas coisas que nunca existiram

.... Levo nesse coração sonhador
A certeza de que você existe!
Que estas a me procurar como
como estou a ti procurar.

Não levo tais coisas como tristezas e fraquezas.
Mas sim que um dia tu virás e fará todas elas não existirem mais.
Aqui em mim...

Alexandre Delchiawon



3 comentários:

Dan Ataides disse...

HUm...
ToTal Dialógico...Gosteiii...

'    Pяis¢iℓα●๋• disse...

Perdi a inspiração, não vou fazer um Plágio como o Andynho disse huashuashua.
Achei muito legal o importante de um poeta é que ele coloque palavras vindas da alma e do coração e não somente palavras.
adoreei seu poema (l)

Delchiawon disse...

Valeu Pry, às vezes é bom brincar de poeta! Fikou feliz que você gostou!

Postar um comentário

Comenta ai o que você achou ....