03/12/2011

Sonho


Ela abriu os olhos
E olhou fixamente
Sua respiração estava ofegante
Não disse nada, apenas olhava.
Ora para baixo, ora para cima
E tentava entendem o que havia acontecido
Olhou novamente, levou as mãos aos Lábios e lembrou...
Lembrou-se de todos os momentos que anteciparam aquele. Lembrou-se de todas as palavras que precisaram ser ditas para que aquele silêncio existisse. Lembrou-se das lutas consigo mesma na tentativa se haver paz no seu mundo.
Olhou mais uma vez, e outra vez...
Abrindo o mais belo sorriso vagarosamente 
Pulou em meio ao susto em seus braços
Abraçando-o, soltando gritos de alegrias, beijos de felicidade e olhar de carinhos.
Olhou-o. E Entre beijos e sorrisos falou daquele dia tão sonhado.
Quanto desejou aqueles sentimentos.
Disse quanto havia esperado para viverem todas aquelas emoções.
E selando com um beijo aquele momento, acordou do sonho mais perfeito que poderia ter, no entanto que nunca passaria de um sonho.

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta ai o que você achou ....